Sonhou mesa para quatro, canário no alpendre e cachorro no portão. Contou trocados, economizou centavos, fez das tripas coração. Acordou cedo quando não queria, negociou concessões onde não podia, mas precisava dizer não. Não ao quero-quero, ao oba-oba, e à birra sem razão. Costurou seu sonho de menino, de família reunida em frente à televisão. Fez de casa santuário, pôs na copa seu aquário e aquietou seu coração. Esteve todo o tempo ocupado com as plantas que poria, com a cor que mudaria pra enfeitar aquele lar. Quis almoço de domingo, São Jorge na estante e violão pra dedilhar. Ocupou-se de tudo um pouco, da despensa, das janelas, das contas pra pagar. Só não pensou como seria, se os outros acentos da mesa, vazios, no outro dia, ele tivesse que olhar.

 


Casa no campo

(Zé Rodrix e Tavito)

Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa compor muitos rocks rurais
E tenha somente a certeza 
Dos amigos do peito e nada mais
Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa ficar no tamanho da paz
E tenha somente a certeza 
Dos limites do corpo e nada mais
Eu quero carneiros e cabras pastando solenes
 
No meu jardim
Eu quero o silêncio das línguas cansadas
Eu quero a esperança de óculos
E um filho de cuca legal
Eu quero plantar e colher com a mão
A pimenta e o sal
Eu quero uma casa no campo
Do tamanho ideal, pau-a-pique e sapé
Onde eu possa plantar meus amigos
Meus discos e livros 
E nada mais

 



- Postado por: Sanka às 17h54
[ ] [] [ envie esta mensagem ]

______________________________________________





..Sanka..

SomdeCordeMim

Som de cor de mim
Veja em mim o som da cor
Me dê cor, se ouvir um som
Ouça o som, se vir a cor
E se quiser,
Me veja mais
Mais que jamboaçaígoiaba clara,
Veja mel no negroazulescuro dos meus olhos
Toque o liláslaranjaardente do meu peito
E dance um bluseadoreggaedance compassado
Depois, [se estiver demais cansado]
Mergulhe fundo no céu azul de amaralina
Que tirintila no almofadar do meu pensamento...

..Sanka..





ela é essencialmente assim. tem variáveis. muitas. mas é gargalhada que quer pra vida toda. e vermelho. muito vermelho.


é dele, o coração dela.
Naka.



tantas histórias:

- 11/03/2007 a 17/03/2007
- 21/01/2007 a 27/01/2007
- 14/01/2007 a 20/01/2007
- 07/01/2007 a 13/01/2007
- 31/12/2006 a 06/01/2007
- 24/12/2006 a 30/12/2006
- 03/12/2006 a 09/12/2006
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 12/11/2006 a 18/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 22/10/2006 a 28/10/2006
- 08/10/2006 a 14/10/2006
- 01/10/2006 a 07/10/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 17/09/2006 a 23/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006



outras cores, sons queridos:

- adelia theresa campos
- anucha
- brinquedoteca [liannara]
- borboleteando [lícia]
- artes com trastes e traquinagens [sayô]
- balada do amor inabalavel [bia]
- cantos gerais [luizinho]
- brincando com clarinha [márcia]
- conversa de terapeuta
- conversa de mulheres [cherry]
- diário de mim mesma
- epiderme da alma [lela]
- entretantas-eu [jana]
- donaella
- heart's place [drika]
- indianira
- identida de perdida [clarice]
- loba
- lu
- mari
- o dono do bar
- oda mae [rosa]
- rainha de copas
- qual é a dúvida [pinho]
- ventania desvairada [rê]
- vera
- uma quimica insandecida [grazi]
- semeando palavras [kathy]
- blonicas


Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog



Contador:

Layout por